O que realmente está acontecendo quando algo acontece?

quarta-feira, 14.02 11h35

 

 

 

[2017]

  • Dirigida por Cristian Duarte e desenvolvida em um campo de pesquisa denominado Ficções Químicas/Dramaturgias Táteis, esta performance tem como foco reverberar empatia, vibrando entre engajamento físico sincero e falso, ou se preferir, perseverando por uma representação sincera.

    Fundamentada em uma gargalhada muda coletiva, busca tensionar as relações entre os corpos e as coisas, apontando para o riso, e o espelhamento neuronal que ele desencadeia, enquanto vetor político para problematizar o que existe entre contexto- artista-público-instituição.
  • Uma produção de Cristian Duarte em companhia
  • Concepção e Direção: Cristian Duarte
  • Performers em revezamento: Aline Bonamin, Allyson Amaral, Carolina Repetto, Clarice Lima, Felipe Stocco, Fernanda Vinhas, Isabella Gonçalves, Júlia Rocha, Leandro Berton, Mayra Azzi, Patrícia Árabe, Paulo Carpino, Renato Linhares, Vinícius Possal e Tom Monteiro.
  • Dramaturgia: Cristian Duarte e Júlia Rocha
  • Apoio: Casa do Povo/Lote e Verbo 2017 – Mostra de Performance Arte (13ª edição)
  • Pesquisa realizada com subsídio: Lote#5 através da 21ª Edição do Programa Municipal de Fomento à Dança para a cidade de São Paulo
  • Fotografia: Haroldo Saboia e Rogério Ortiz
  • Crítica Verbo 2017 Silas Martí
  • Júlia Rocha entrevista Cristian Duarte sobre a pesquisa-performance
  • Fotos

 

 

 

 

 

best essays service